LIGA DO RISO DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA: UMA EXPERIÊNCIA DE HUMANIZAÇÃO HOSPITALAR

  • Lucas de Mendonça Nunes
  • Daniel Marcos de Sousa Santos
  • Raquel Nascimento Cunha
  • Andréa Mathes Faustino
  • Ana Beatriz Duarte Vieira
Palavras-chave: Humanização da Assistência Hospitalar, Política Nacional de Humanização, Qualidade da Assistência em Saúde

Resumo

Introdução: Durante a internação crianças, adultos e principalmente idosos ficam submetidos à muitas agressões. Além de sofrer as consequências da patologia que os acometem, a admissão no ambiente hospitalar é uma ruptura drástica com o seu cotidiano, com as suas relações familiares e sociais, o que acaba afetando sua identidade. Por este tornam-se mais frágeis, tendo inclusive diminuição de sua capacidade funcional no ambiente hospitalar. Nessa perspectiva de atenção integral e o olhar voltado para humanização da assistência no ambiente hospitalar, é que se constitui o projeto de extensão da Universidade de Brasília intitulado “Liga do Riso”. Objetivo geral: Proporcionar às crianças, adultos e idosos internados no Hospital Universitário de Brasília momentos de descontração, estimulando experiências emocionais positivas. Além de estabelecer uma comunicação desfocada dos discursos biomédicos, conferindo um olhar mais humanizado ao cuidado. Material e Método: As atividades são desenvolvidas com uma periodicidade semanal, em períodos diferentes e alternando as unidades de internação de Clínica Médica e Pediatria. O rol de atividades, que compõem as ações, são divididas em: lúdicas, artísticas e artesanais. Exemplos dessas são as ‘Ações Rotineiras’, as quais são levadas aos pacientes jogos coletivos, peças teatrais, atividades manuais de artesanato e pintura, entre outras, e ‘Grande Ações’, atividades temáticas que envolvem todos os membros sempre pensando na situação clínica a qual se encontra o público alvo. Resultados: Observa-se através das ações um efeito de satisfação em relação as atividades entre profissionais e pacientes, bem como os acompanhantes. Nota-se que as ações têm proporcionado um retorno bastante positivo para os próprios membros da Liga, seus relatos demonstram como as atividades incorporam uma nova visão do cuidado humanizado, da mesma forma que proporcionam um engrandecimento pessoal, por estarem se disponibilizando para esta causa. Conclusão: A Liga do Riso da Universidade de Brasília tem proporcionado uma vivência diferente da qual a clínica se propõe a desenvolver, beneficiando as relações mais humanas, favorecendo momentos onde se recupera os laços de cuidado.

Publicado
2018-03-20
Como Citar
Nunes, L. de M., Santos, D. M. de S., Cunha, R. N., Faustino, A. M., & Vieira, A. B. D. (2018). LIGA DO RISO DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA: UMA EXPERIÊNCIA DE HUMANIZAÇÃO HOSPITALAR. Encontro Nacional De Saúde, Cultura E Arte-MCA, (8). Recuperado de http://anais.uel.br/portal/index.php/mca8/article/view/54
Seção
Resumos