A INFLUÊNCIA DO BRINQUEDO PARA A CRIANÇA HOSPITALIZADA

  • Marta Franciele Leite
  • Michelle Ribeiro Cordeiro de Souza
Palavras-chave: Brinquedo, Hospitalização, Humanização

Resumo

INTRODUÇÃO: O ambiente hospitalar é um lugar que pode ocasionar muitos traumas psicológicos ao ser humano e se tratando de crianças poderá ser mais significativos. A criança hospitalizada possui sensações de medo e insegurança diante do tratamento e da assistência hospitalar recebida, pois enfrenta momentos que não fazem parte do seu cotidiano. OBJETIVO: Identificar como o lúdico pode amenizar a dor da criança hospitalizada. MÉTODO: A pesquisa de caráter bibliográfico e descritivo, realizada no período de março a novembro de 2016. RESULTADOS E DISCUSSÕES: Dados específicos sobre o brincar no contexto hospitalar, mostraram que, para as crianças hospitalizadas, brincar é considerado como estratégia positiva para o enfrentamento da hospitalização. O brinquedo influencia no restabelecimento físico e emocional, pois pode tornar o processo de hospitalização menos traumatizante e mais alegre, fornecendo melhores condições para a recuperação. CONCLUSÃO: O ato de brincar pode vir a amenizar a dor ainda que por breves momentos contribuindo para uma recuperação eficaz.

Publicado
2018-05-27
Seção
Artigos