ANÁLISE MORFOMÉTRICA E DA COBERTURA E USO DA TERRA NA BACIA DO RIO HENRIQUE, RS

  • André Ricardo Furlan Universidade Estadual de Londrina
  • Romario Trentin
Palavras-chave: Palavras-Chave: Urbanização; Gestão Territorial; Planejamento Ambiental.

Resumo

O desenvolvimento de sistemas computacionais possibilita a criação e aperfeiçoamento de softwares para
aplicação dos Sistemas de Informação Geográfica abrindo um campo vasto de possibilidades de aplicação das
geotecnologias para o estudo geográfico como objetivo de planejamento e gestão territorial. A urbanização tornase
um processo hegemônico nas diversas escalas de análise, onde apresenta aumento da proporção de pessoas
residindo nas cidades, esse processo sem planejamento adequado apresenta diversos problemas, entre as
inundações urbanas. Para análise da bacia hidrográfica utilizou-se de uma proposta multiescalar, variando da bacia
hidrográfica do rio Henrique com área aproximada de 77,89 km², e uma pequena bacia hidrográfica onde assentase
suas nascentes e uma porção urbanizada do município de Erechim com aproximadamente 3,25 km², nessa
porção da bacia busca-se apresentar as transformações na cobertura e uso da terra em uma relação temporal de 41
anos. Verificou-se que a urbanização sem planejamento adequado expõe a população aos processos naturais como
a inundação, assim é possível constatar que o planejamento e gestão territorial torna-se importante para que os
citadinos possam residir em boas condições ambientais.

Publicado
2018-11-28