CLASSIFICAÇÃO DE IMAGENS LANDSAT E MUDANÇAS NO USO DO SOLO DE UMA ÁREA DA REPRESA DE FURNAS, ENTRE OS ANOS DE 2004 E 2014

  • Cassiano Gustavo Messias UEL
  • Rafael Lacerda Cobra UEL
Palavras-chave: Sensoriamento remoto, máxima verossimilhança, classificação supervisionada

Resumo

Este trabalho tem como objetivo avaliar o uso do solo do recorte de uma cena do satélite Landsat, em
proximidades do lago de Furnas, Minas Gerais, Brasil, considerando os anos de 2004 (TM) e 2014 (OLI). Foram
utilizados diferentes algoritmos de classificação supervisionada, sendo que o Máxima Verossimilhança possibilitou
a obtenção de melhores resultados para a maioria das classes consideradas. Os resultados obtidos mostram que
houve crescimento das classes campos limpos, áreas urbanas e, especialmente, solo exposto. Por outro lado, houve
redução das culturas temporárias, culturas perenes, água e vegetação nativa. Os índices Kappa e exatidão global
para 2004 e 2014 apresentaram valores elevados, considerados excelentes.

Publicado
2018-11-28