A GEOGRAFIA NA ATUAL BASE NACIONAL CURRICULAR COMUM: DE DISCIPLINA A ÁREA DO CONHECIMENTO

  • Carolina Zundt Correa
Palavras-chave: Palavras-Chave: Pedagogia Histórico Crítica; Objeto de Estudo da Geografia; Políticas educacionais; Base Nacional Curricular Comum

Resumo

O presente artigo pretende fazer uma análise crítica social e histórica para traçar um perfil das
modificações da disciplina Geografia nas recentes propostas curriculares da nova Base Nacional Comum, aprovado
no governo Michel Temer. Tentando fazer algo que ultrapasse apenas o objeto de estudo da Geografia, as
intencionalidades é entender qual seria o papel da preservação de um conhecimento erudito, clássico, sistematizado,
ou seja, cientifico, para o ensino escolar. Uma vez que a BNCC retira a Geografia do currículo como disciplina
escolar singular, ela será mesclada em generalidades, onde prevalecerá as metas e resultados a serem atingidos e
não mais o conhecimento cientifico em especifico. Dialogando entre a pedagogia-histórico crítica de Demerval
Saviane, com as análises políticas de Luiz Carlos Freitas o texto vai buscar um apanhado de teorias para
compreender de maneira ampla, como ficará a educação e qual seu objetivo após a BNCC, e qual será esse reflexo
para as disciplinas escolares.

Publicado
2018-12-04