Estilos intelectuais, estratégias de aprendizagem e flexibilidade cognitiva:

uma análise das variáveis no ensino médio público

  • Gracielly Terziotti de Oliveira Universidade Estadual de Londrina
  • Katya Luciane de Oliveira
Palavras-chave: estilos intelectuais, estratégias de aprendizagem, flexibilidade cognitiva

Resumo

Os estilos intelectuais se caracterizam pela preferência na maneira de realizar as mais diversas atividades cotidianas. Nesse sentido, o objetivo desse estudo é o de investigar a relação entre esse constructo e as estratégias de aprendizagem e a flexibilidade cognitiva. Participaram desse estudo 792 alunos no ensino médio de escolas públicas do Norte do Paraná. Foi utilizada uma bateria de instrumentos, aplicada de forma coletiva nas próprias salas de aulas das instituições coparticipantes. Os dados foram tabulados e serão submetidos à analises estatísticas.

Publicado
2018-10-02