Avaliação por meio do Subteste Cubos

uma amostra em alunos do ensino fundamental I

  • Roberta Rosseti Flor da Rosa Santos Uel
  • Katya Luciane de Oliveira
Palavras-chave: avaliação psicoeducacional; resolução de problemas; ensino fundamental I

Resumo

A Escala Wechsler de Inteligência para Crianças - 4ª Edição (WISC-IV) é um instrumento clínico de aplicação individual, que tem como objetivo avaliar a capacidade intelectual e o processo de resolução de problemas em crianças entre 6 anos e 0 meses a 16 anos e 11 meses. Compreende como parte do teste cubos brancos e/ou vermelhos, em que o indivíduo deverá construir a imagem que lhe foi apresentada por meio destes itens com um tempo determinado. O objetivo que se pretende alcançar é de medir a habilidade de analisar e sintetizar estímulos visuais abstratas, podendo também levar a criação de conceitos não verbais, percepção visual e organização, processamento simultâneo, coordenação visual e motora, aprendizado e habilidade de separar figura e fundo por meio de estímulos visuais. O indivíduo examinado utiliza cubos vermelhos e/ou brancos para construir um modelo que o aplicador disponibiliza no Caderno de Estímulos, com tempo determinado.  Conforme a criança realiza e conclui a tarefa, o examinador avalia e atribui uma pontuação que pode variar se tiver com ou sem tempo de bônus. Participaram do estudo 48 alunos do 2º ao 5º anos. Por meio da análise observou-se que os alunos da amostra (n= 48) apresentaram bom desempenho, uma vez que a média de pontos (M= 8,848) foi mais da metade, considerando que o Subteste é composto por 14 tarefas com tempo determinado para a realização de cada uma.

Publicado
2019-11-13